Plano de Governo – Esporte e Cultura

Plano de Governo – Esporte e Cultura

Continuando com nossa análise sobre o Plano de Governo, o assunto dessa vez é Esporte e Cultura. Após debater sobre Gestão e Educação, chegou a vez de explicar cada tópico das propostas envolvendo o setor de esportes de nossa cidade. Além disso, das ideias relacionadas ao aspecto cultural de Garopaba.

Importância

Esporte é saúde, bem-estar, qualidade de vida. Fornecer oportunidades abrangentes, atingindo a maior número de pessoas possível, é o objetivo. Propiciar o ambiente ideal, desde estrutura até eventos, incentiva a prática sadia de esportes.

Por sua vez, a cultura nos representa, nos enriquece intelectualmente, é a nossa história sendo repassada de uma geração para outra. Valorizar a cultural local, assim como incentivar a transmissão de conhecimento, nos faz evoluir sem perder nossa essência.

Propostas

Vamos então explicar todas as propostas relacionadas a Esporte e Cultura no Plano de Governo:

1) Estabelecer um programa de incentivo a atividades culturais

As iniciativas de caráter cultural de nossa cidade são escassas e, muitas vezes, isoladas. Um ou outro projeto costumam aparecer, visando abordar o ensino de nossa história de uma forma rasa. E, na maioria das vezes, esses projetos são interrompidos, ou executados de forma parcial, por falta de apoio do poder público.

É necessário, portanto, criar programas junto ao setor de cultura do poder público, organizando e aumentando iniciativas desse tipo.

Comissão de Ação Cultural da SAS: Quais atividades culturais você gostaria  que a Comissão de Ação Cultural oferecesse?
2) Apoiar eventos que fortaleçam a rede cultural do município

Algo que vi com muita frequência no período como vereador, foi a ocasião de pessoas ou entidades visitando a Câmara Legislativa em busca de apoio, visando executar um programa social ou até mesmo trazer um evento cultural para a cidade.

Garopaba tem uma história muito rica, mas que é pouco aproveitada. Organizar a rede cultural de nossa cidade, mapeando e organizando toda a sua estrutura, além de tornar uma nova fonte turística, vai facilitar os programas culturais executados desde a educação básica.

3) Criar um Centro de Cultura

Outro item que virou clichê, por suas inúmeras aparições nos Planos de Governo nos últimos anos. A falta de um espaço adequado para eventos culturais, exposições, palestras, simpósios, é um grande problema. Muitas vezes, essa falta é determinante para que eventos importantes não ocorram por aqui.

Um Centro de Cultura e Eventos, além de funcionar como símbolo de nossa história, catalogando acervos históricos, pode auxiliar na evolução do calendário de eventos da cidade.

4) Fortalecer a rede de escolinhas municipais de esporte nos bairros

Fornecer oportunidades na prática de esportes desde cedo, na educação básica, é determinante no processo de construção de um cidadão. Dar oportunidades desde o começo pode ser decisivo para o futuro da criança.

Aumentar a rede das escolinhas municipais de esportes é o caminho, aproximando as oportunidades das crianças. E essa proposta vai muito além do futebol, o primeiro esporte que vem à mente. Vôlei, Basquete, Surf, Capoeira, Xadrez, a gama de oportunidades é grande, atingindo assim um número maior de pessoas.

5) Levar às comunidades áreas públicas de lazer, esportes e atividades físicas

Da mesma forma que as escolinhas de esporte aproximam as crianças da prática esportiva, as áreas de lazer permitem aos moradores, de qualquer idade, um espaço para relaxar, ler um livro ou fazer exercícios físicos.

Novamente, aproximar as oportunidades das pessoas, levando até os bairros, valoriza todas as regiões da cidade e garante uma boa qualidade de vida para a população.

Espaços públicos terão que instalar equipamentos de lazer para pessoas com  deficiência — Senado Notícias
6) Valorizar a Quermesse Comunitária em seu aspecto tradicional e cultural

A cada ano que passa, a Quermesse é menos Quermesse. O seu aspecto cultural foi se perdendo, ao ponto que ela se tornou uma festa muito mais comercial do que tradicional. Além disso, a prefeitura gastou, só em 2019, mais de R$ 600 mil para realizar o evento. O que pode parecer um evento “gratuito”, acaba sendo pago pela população, pelos nossos impostos.

Em contrapartida, a Quermessinha, evento organizado pela Associação de Moradores do Centro Histórico, levou até a região tradicional da cidade um evento mais puro, enraizado, valorizando a cultura de Garopaba.

Portanto, ao mesmo tempo em que a Quermesse (ou Festa do Bacalhau Brasileiro) deve ser repensada, a Quermessinha, em seu formato tradicional, merece a devida valorização e apoio do poder público.

7) Criar rede de apoio e fomento aos artistas do município, inclusive com a promoção de Show de Talentos Locais

De que adianta termos tantos talentos locais, se não damos a eles a oportunidade de se apresentarem, de demonstrarem o seu trabalho. Atualmente, esse espaço é limitado a poucos minutos na Quermesse. Isso tem que mudar!

O poder publico pode e deve organizar eventos visando a valorização dos projetos e talentos locais, pessoas que levam o nome da cidade através do seu trabalho. Valorizar é dar oportunidade!

Novo Cabrais | Abertas as inscrições para o Show de Talentos de Novo Cabrais
8) Reestruturar o calendário de eventos, modulando de acordo com as oportunidades

O calendário de eventos elaborado pelo poder público é, muitas vezes, uma cópia perfeita do ano anterior, algo pouco mutável. Para piorar, problemas de comunicação fazem com que o anúncio do evento seja mau feito, onde, muitas vezes, a imprensa e população em geral só ficam sabendo do evento após o seu término.

Além disso, uma cidade com tantas alternativas esportivas e culturais não pode ter um calendário de eventos tão engessado, focado em meia dúzia de segmentos. Desmembrar a secretaria, colocando pessoas capacitadas para cuidar disso, além de estabelecer uma comunicação próxima com as entidades envolvidas, é essencial para resolver esse problema.

9) Criar uma Biblioteca Pública e Casas de Leitura

A valorização da leitura e interpretação textual já foi citada nas propostas para educação. Portanto, nada melhor que espaços adequados para que isso ocorra.

Uma Biblioteca Pública é um símbolo para qualquer cidade, pois serve como eixo cultural, além de permitir um contato mais próximo da população com a leitura. Além disso, as Casas de Leitura funcionam como um módulo compacto e alternativo, que podem ser instalados nos bairros.

Com mais de 20 mil obras, Biblioteca Pública de Estrela pode ser  aproveitada nas férias
10) Cuidar e otimizar a estrutura do Centro Histórico da cidade

Algo essencial e necessário, que abrange, além da cultura, educação, turismo e infraestrutura. Poderia ser citado em qualquer um desses itens.

Organizar sua estrutura de ruas, iluminação pública, pontos históricos, acervo cultural, é preservar, o que é diferente de abandonar. Nosso Centro Histórico reflete nossa história, o princípio de nossa cidade. Merece a devida atenção!

11) Fortalecer os programas de Contação de Histórias dos anciões do município

Quem não gosta de parar e ouvir uma boa história? Esse é um projeto desenvolvido por algumas escolas, porém ainda de forma independente, que pode ser potencializado pelo poder público.

Nossos anciões, figuras históricas de nossa cidade, tem muita história para contar. Além disso, existem muitas pessoas dispostas a ouvir. O papel do poder público é aproximar esses dois lados e fazer acontecer.

Garopaba - As 9 MELHORES Atrações! O que fazer / PRAIAS!

Apesar da longa lista (agradeço se você leu até o final), sabemos que muitos outros tópicos podem ser debatidos. Ocorre que tudo deve começar com uma base, uma estrutura sólida. Com a casa arrumada, evoluir com os projetos torna-se algo natural.

Nas próximas publicações vamos debater sobre outros tópicos do nosso Plano de Governo. Agradeço pela sua leitura, por acompanhar o blog, e lhe convido a deixar o seu comentário, colocando sua opinião sobre as questões debatidas.

Compartilhe esse material para chegar em mais pessoas. Não se esqueça: VOCÊ FAZ PARTE DA MUDANÇA!

Me acompanhe nas redes sociais.

Facebook: /juniorabreubento
Instagram: @juniorabreuoficial 
Youtube: Junior Abreu

Veja também:

TBTreta – Resumo de Mandato

Junior Abreu

Junior Abreu

Formado em administração pela UNIVALI. Quinze anos de experiência no setor lotérico. Vereador na 14ª Legislatura (2017-2020). Prefeito Municipal de Garopaba (2021-2024).

Um comentário em “Plano de Governo – Esporte e Cultura

  1. Gostei dos Planos de Governo na questão cultural e turística.
    Acabei de mudar-me para Garopaba, tenho 73 anos.
    Postos em prática esses planos certamente alçará a cidade a um patamar respeitável e acolhedor.
    Parabéns pela eleição, prefeito Junior Abreu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.