A última reunião da Comissão Especial de Inquérito da COVID acabou sendo o assunto da semana. Tudo porque o proprietário da empresa ISAMED, que realizou a venda dos materiais à prefeitura, se negou a responder sobre um comparativo de preços entre orçamentos.

O assunto alcançou a mídia nacional ao ser citado no Bom dia SC, telejornal matinal da NSC TV, de Florianópolis.

Garopaba foi pauta no telejornal da NSC TV.

Porém, deixando a emoção um pouco de lado, essa publicação tem o intuito de explicar maiores detalhes sobre como foi a reunião, sobre as perguntas que foram respondidas pelo proprietário da empresa. Além disso, quais são os próximos passos nas investigações, se vai avançar ou acabar em pizza!

A conversa tão esperada

Entre encontros e desencontros, foram quarenta e cinco dias de espera. Informando uma agenda lotada, o proprietário da empresa, Luiz Henrique Alberton, primeiro enviou uma representante da ISAMED para responder os questionamentos. Esse movimento não foi considerado pelos membros da comissão, onde exigiram a presença do próprio Luiz Henrique.

Durante o período de isolamento, a Câmara de Vereadores adotou o método de reuniões virtuais.

Após novo agendamento, Luiz Henrique garantiu presença no dia 05/08, no período da manhã. A reunião que iria ser feita de forma presencial, acabou sendo alterada para virtual devido ao novo decreto emitido pelo Prefeito Municipal visando o controle da pandemia do COVID-19.

Durante da reunião da comissão, todos os membros tiveram a oportunidade de realizar questionamentos ao proprietário da ISAMED. Ao chegar na minha vez, fiz questão de validar com ele todos os tópicos da compra de maneira detalhada, desde o primeiro contato realizado pela prefeitura até a entrega das mercadorias. Abaixo é possível acompanhar a íntegra de meus questionamentos.

Meus questionamentos ao proprietário da ISAMED, Luiz Henrique Alberton.

O momento da polêmica

Na parte final da reunião, onde o presidente da comissão, vereador Luizinho (PSB) questionou a cada vereador se haveria mais alguma dúvida a sanar, perguntei se poderia fazer mais um questionamento.

Sendo autorizado, pedi esclarecimentos ao Luiz Henrique Alberton sobre um comparativo entre orçamentos da empresa. Ele havia informado anteriormente, ao vereador Guto (PP), que sempre aplicava a mesma margem de lucro.

O questionamento que gerou tanta polêmica foi relacionado à margem de lucro aplicada pela empresa em dois orçamentos diferentes.

Sendo assim, questionei o motivo de um orçamento de ISAMED, emitido vinte dias após a venda da prefeitura, com um valor muito menor. Enquanto ele procurava os documentos para responder, fui interrompido pelo presidente da comissão. Depois disso, creio que todos já sabem o que aconteceu. Para quem ainda não viu, pode conferir o vídeo abaixo:

CPI COVID-19: Presidente permite, e empresário se nega a explicar o preço das notas.

Em reunião virtual realizada nessa quarta-feira (05/08) questionei ao proprietário da ISAMED MEDICAMENTOS os motivos dos valores tão altos, visto que vinte dias após a venda para Garopaba, um novo orçamento da empresa apontou valores muito menores.Em breve o material completo sobre essa reunião no meu blog. Aguardem.#juntosSomosMaisFortes #Politica #Garopaba #COVID19

Posted by Junior Abreu on Wednesday, August 5, 2020

O que vem a seguir?

Os trabalhos na comissão continuam. Um projeto de resolução aprovado na última sessão ordinária prolongou o prazo da comissão por mais noventa dias.

Os membros da comissão podem convocar mais pessoas, documentos, o que acharem necessário. Ao fim das análises, é elaborado o relatório final da comissão, com a descrição de tudo que foi investigado pelos membros.

O relatório final é o momento das atividades realizadas pela comissão.

Até o momento, além dos documentos solicitados, a comissão interrogou membros da secretaria de saúde (incluindo a própria secretária da pasta), setor de compra da prefeitura municipal, assim como o proprietário da empresa ISAMED, que vendeu os produtos para a prefeitura, Luiz Henrique Alberton.

Como relator da comissão, é de minha responsabilidade e elaboração desse relatório, apontando o parecer das investigações.

Conforme esse documento for avançando, mantenho a população atualizada. Grande abraço e uma ótima semana a todos.

Deixe nos comentários sua opinião sobre o trabalho da comissão, assim como sobre os episódios recentes. Sua participação é muito importante!

Não esqueça de me acompanhar nas redes sociais.

Facebook: /juniorabreubento
Instagram: @juniorabreuoficial 
Youtube: Junior Abreu


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.